Changeman | Os Rangers que os Power nunca conseguiram ser

A equipe do super sentai japonês Esquadrão Relâmpago Changeman
Durante os anos 1980 e 1990, a extinta Rede Manchete ganhou bastante a atenção de crianças e adolescentes com a exibição de séries e desenhos que logo viriam a ser considerados clássicos no Brasil:

Jaspion, Jiraiya, Flashman, Jiban, Lion Man, Black Kamen Rider, Kamen Rider Black RX, Maskman, Cybercops, Spielvan, Metalder, Patrine, Winspector, Solbrain, Cavaleiros do Zodíaco, Samurai Warriors, Shurato, Yu Yu Hakusho, Sailor Moon, Super Campeões, O Pirata do Espaço e Patrulha Estelar.

Para esta Observação foi escolhido outro ícone da época no canal, ESQUADRÃO RELÂMPAGO CHANGEMAN. Ao longo de seus 55 episódios, exibidos insistentemente entre 1988 e 1994 pela emissora, conhecemos cinco heróis integrantes do exército dos Defensores da Terra que, banhados pela Força Terrena, adquirem os poderes de animais lendários.

Este texto trabalha com os dois últimos episódios da série, mencionando importantes acontecimentos que ocorreram ao longo dela.

A EQUIPE, A HISTÓRIA E O SUCESSO

Changeman é uma produção japonesa do gênero tokusatsu (abreviatura da expressão local tokushu satsuei, ou seja, filme com efeitos especiais – atualmente virou sinônimo de filmes ou séries live-action de super-heróis produzidos no Japão, com bastante ênfase nos efeitos especiais, mesclando técnicas como pirotecnia, computação gráfica, modelismo, entre outras) e faz parte da franquia Super Sentai, no ar desde 1975, tendo normalmente uma série por ano, com produção da Toei Company e exibição original pela TV Asahi.

Equipe do super sentai japonês Esquadrão Relâmpago ChangemanOs Super Sentai continuam em produção, embora nenhuma emissora brasileira disponibilize novas séries desde Maskman (que permaneceu no ar até 1999). Em nosso país anualmente são apresentadas as temporadas de Power Rangers (sendo Power Rangers Samurai a última até o momento), produzidas nos Estados Unidos, aproveitando o design dos personagens e alterando os atores e os enredos.

A temporada em questão foi a nona produção japonesa da franquia e não ganhou versão estadunidense até o momento.

A história começa com um grupo de soldados treinado pelo exigente Sargento Ibuki, mas que, até por conta da grande cobrança, desistem e vão embora. No caminho encontram estranhos seres azuis, que os atacam. Viremos a descobrir mais tarde que são chamados de soldados Hidler, seres extraterrestres subordinados aos comandantes do senhor Bazoo, o Comandante Giluke e, mais tarde, a Rainha Ahames, que planejam tomar a Terra.

A misteriosa Força Terrena banha os cinco sobreviventes e dá a cada um o poder de lendários animais. São eles: Tsuruji (que vira o Change Dragon), Hayate (Change Griphon), Ozora (Change Pegassus), Sayaka (Change Mermaid) e Mai (Change Phoenix). Juntos eles são o Esquadrão Relâmpago Changeman, que receberá a ajuda de Ibuki, líder da Organização Mundial dos Defensores da Terra.

Os vilões do super sentai japonês Esquadrão Relâmpago ChangemanO sucesso no Japão foi imediato graças ao carisma dos atores e a química entre eles, e também por ser considerado um grande avanço em relação aos Sentais anteriores com histórias mais consistentes e personagens/vilões melhor formulados.

No Brasil, a série alcançou grande popularidade, sendo muito reprisada pela Rede Manchete até 1994. Atualmente permanece no ar na Rede Brasil, após passagens pela Rede Record e pela TV Gazeta. Em seu auge teve revistas em quadrinhos, bonecos e outros adereços.

O EPISÓDIO FINAL

Para tal análise, vamos considerar os dois últimos episódios como o arco final da saga. Em A batalha final e Adeus, Heróis do universo, o agora Super Giluke (que havia sido enviado para o Cemitério Espacial pelo senhor Bazoo pelos seus constantes insucessos, mas voltou mais poderoso) é o único que sobreviveu do lado do grande inimigo.

Ahames morreu, assim como Buba; Shiima perdeu o feitiço que a fazia má e foi para o lado dos Changeman; e Gaata seguiu o mesmo caminho para manter sua família unida.

Bazoo, principal vilão do super sentai japonês Esquadrão Relâmpago ChangemanNão demora muito para o último dos comandantes do senhor Bazoo cair, restando ao grupo de heróis apenas o poderoso vilão. A ideia no arco final foi reunir todos os personagens que tiveram destaque ao longo da série, logo veremos Nana (nativa do planeta Tecnolíquel, que vem para a Terra através dos planos do senhor Bazoo e acaba salva pelos heróis. No começo, ela surge como uma criança, mas tem infância curta por conta da natureza de seu planeta, e no final já é uma adulta e apaixonada pelo Change Dragon) e Sakurá (um anjo sobrevivente do planeta Merill e paixão de Hayate), além dos ex-inimigos que se voltaram para o lado do bem.

A derrota de Bazoo não é o melhor momento dos Changeman, vale dizer. O planeta Gozma (na verdade, o próprio Bazoo, que descobrimos ser um “gigantesco corpo vital do tamanho de um planeta”) é muito mal feito, com plásticos e tubos por todos os lados, mais parecendo uma construção aos cacos.

Compensa, no entanto, toda a saga dos heróis até este momento. Todos, incluindo o próprio sargento Ibuki (que é na verdade um extraterrestre que teve seu planeta devastado) e os próprios vilões, tiveram grandes momentos. Diferentes de muitas outras equipes do gênero, os Changeman acumularam perdas preciosas (o cavalo Pegassus, por exemplo) e apresentaram histórias de heroísmo ao extremo. Tivemos também romantismo (Tsuruji e Nana; Hayaki e praticamente toda garota solteira que topava com ele), comédia e muita aventura. Histórias que até hoje ainda atraem telespectadores.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Equipe do super sentai japonês Esquadrão Relâmpago ChangemanChangeman é representante de uma época onde brigas e palavrões não eram considerados errôneos dentro do politicamente correto, e junto com Jaspion, principalmente, fez história nesta linha. Várias crianças cresceram entendendo que as séries representavam o verdadeiro herói: aquele que dá toda sua força para o que é certo e para um mundo melhor. E isso compensa qualquer efeito especial ruim.

O final é apenas a chave que encerra tudo e muito bem feito tendo como cenário o Monte Fuji, um dos cartões postais do Japão. As séries atuais (seja Super Sentai ou Power Ranger peca na falta de sensibilidade de suas histórias), portanto é uma pena que não tenhamos mais nenhuma assim. Embora estes heróis, a gente sabe, ainda vivem dentro de nós.

Relembre a abertura da série:


ESQUADRÃO RELÂMPAGO CHANGEMAN
Nome original: Dengeki Sentai Changeman
Produção: Toei Company
Episódios: 55 (aproximadamente, 20 minutos cada)
Ano de exibição: 1988-atual (Rede Manchete, Rede Record, TV Gazeta e Rede Brasil)
Produtor-chefe: Tatsumi Yano

9 comentários:

  1. Parabens pela resenha dos CHANGEMAN

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! Foi feita com muito carinho...rs.

      Excluir
  2. Por favor, espalhem pra quem teria Changeman gravado da TV GAZETA, na época CNT/GAZETA em 97/98? O que procuro são os previews DUBLADOS no final dos seguintes episodios 10, 13, 14, 23, 25, 29, 31, 33, 37, 39, 40 e 53. Changeman passou na integra na Tv Gazeta em 97-98, por isso essa gravação específica. Se tiver tambem o Episodio 1 inteiro gravado da Tv gazeta, tambem é bem vindo. Somente na tv gazeta, por utilizar a master do Toshi exibiu o trecho sem edição na hora que o change Dragon grita: "COMBATENTE RELAMPAGO CHANGEMAN" na hora da apresentação...Pode ser que tenha gravado da TV Manchete, é mais antigo mas quem tiver tambem por favor. Ah se tiver tambem só 1 ou 2 ou 3 dos previews listados acima não importa, tambem são bem vindos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Podia ter deixado seu e-mail (ou pelo menos o nome), senão fica difícil entrar em contato. Mas se alguém tiver o que ele precisa, por favor, poste abaixo a informação. Abraços.

      Excluir
  3. Mande no meu E-mail quem tiver, pode ser em MP3 mesmo:
    jejunior@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Os changemans foram meus primeiros heróis! Guardo em meu coração com muito carinho e devoção! Parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Franciane. Também foram meus primeiros heróis, por isso quis tanto escrever sobre eles. Obrigado pelo comentário!

      Excluir
  5. Os changemans foram meus primeiros heróis! Guardo em meu coração com muito carinho e devoção! Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. Somente agora ,anos depois,achei essa resenha! Muito legal!Jaspion e Changeman ainda são meus heróis preferidos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...